terça-feira, 6 de outubro de 2015

Dois meses do blog! \o/


Vocês já estão carecas (alguns, literalmente) de saber que em dezembro do ano passado me deu a louca e resolvi abrir um blog. Nascia ali o Trollcnologia. Sucesso instantâneo de público. Foi uma loucura, mas durou, a princípio, umas 2 semanas, não mais que o tempo livre que tive no fim do ano.


Depois disso, decidi que o blog já tinha cumprido seu objetivo, e encerrei suas atividades. Mas, como já falei algumas vezes, blogar é uma cachaça, e não dá pra simplesmente parar.

Decidi, então, botar em prática um projeto de blog que já tinha há muito tempo: eu queria um espaço pra contar histórias malucas, porém reais, que tivessem acontecido comigo, e foi assim que surgiu o FQN.

Se o Trollcnologia ajudou a firmar a nossa comunidade, o FQN serviu para aproximá-la. Ali, as pessoas resolveram que também queriam contar suas próprias histórias malucas, e tivemos posts hilários, como a história do Eric no Exército (que me inspirou a contar a minha), a maluquice do Ao Seu no Salão do Automóvel, dentre outras.

Curiosamente, os posts que a galera mais gostou tiveram a ver com peido e dor de barriga. Inclusive uma falsa. Mas um belo dia, também resolvi dar cabo do FQN.

MRJ: serial killer de blogs
Aliás, aprontei a suprema trollagem de abandonar a internet. Dei uma de Morimoto e virei bicho-grilo instantâneo. Sumi, desapareci, escafedi-me. A galera que acompanhava o blog ficou bolada e abriu o ODZ (Órfãos da Zoeira) para detetivescamente inquirir o que haveria acontecido com o MalcriadoRJ.

Enquanto isso eu, que estava me preparando pra viajar de férias, lia o negócio, tinha muita coceira de responder e ria muito. Até que uns dias antes de viajar, resolvi falar com o Eric. Não podia passar mais 10 dias fora e deixar todo mundo naquela...hahahahaha

Isso foi em fevereiro. E a vontade de blogar voltava, e crescia dentro de mim (uuuuuuuyyyyyyy!!!!!!), até que em 6 de agosto ela foi mais forte que a caganeira do macacolinga e mais rápida que esta dentadura, me forçando a tomar uma atitude.

E assim nasceu o MBM, que não é Trollcnologia nem FQN, mas uma mistura dos dois. E tem sido um prazer ver que a nossa galera se multiplica a cada dia, e que não é só a zoeira que nos une. Outros blogs surgiram na esteira da brincadeira iniciada lá no Trollcnologia, e hoje temos o excelente blog do Raposão do Ártico (que é mais voltado para a tecnologia) e nosso amigo bagunceiro Amor de Vó também se animou a abrir um blog que ainda está nos primeiros passos, mas estamos acreditando, torcendo e incentivando.


Como disse nosso amigo PPK XD, cada um desses blogs acabou por ser um spin-off do Gizmodo. Verdade seja dita, tudo começou por causa de desmandos e confusões por lá, mas hoje nós estamos em outra vibe. É paz, amor e zoeyra.

Obrigado a todos por cada pequeno gesto de zoeyra. Sua zoeyra é muito importante para nós...kkkkk

MRJ